O que é: Technical debt

O que é Technical Debt

Technical debt, ou dívida técnica, é um termo utilizado na área de desenvolvimento de software para descrever o custo adicional que uma empresa pode incorrer ao optar por soluções rápidas e de baixa qualidade em vez de investir tempo e recursos em uma solução mais robusta e duradoura. Essa dívida técnica pode se acumular ao longo do tempo e impactar negativamente a capacidade da empresa de manter e evoluir seu software de forma eficiente.

Origem do Termo

O termo “technical debt” foi cunhado por Ward Cunningham, um dos pioneiros da programação orientada a objetos, em 1992. Ele comparou o processo de desenvolvimento de software ao processo de construção de uma casa, onde é possível optar por soluções rápidas e baratas que resultam em problemas futuros, semelhantes a uma dívida que precisa ser paga.

Tipos de Technical Debt

Existem dois tipos principais de technical debt: o debt deliberado e o debt involuntário. O debt deliberado ocorre quando a equipe de desenvolvimento toma a decisão consciente de adotar uma solução rápida e de baixa qualidade para atender a um prazo ou requisito específico. Já o debt involuntário surge devido a falta de conhecimento, planejamento ou habilidade da equipe, resultando em problemas não intencionais no código.

Impactos do Technical Debt

O technical debt pode ter diversos impactos negativos sobre o desenvolvimento de software, como aumento do tempo e custo de manutenção, redução da qualidade do código, dificuldade de implementar novas funcionalidades, aumento da probabilidade de bugs e falhas, e diminuição da satisfação dos usuários finais.

Como Identificar o Technical Debt

Identificar o technical debt pode ser um desafio, pois nem sempre é óbvio quais partes do código estão comprometidas. Alguns sinais de que sua empresa pode estar sofrendo com technical debt incluem código mal documentado, falta de testes automatizados, alta complexidade e acoplamento entre os módulos, e dificuldade de entender e dar manutenção ao código.

Como Gerenciar o Technical Debt

Gerenciar o technical debt é essencial para garantir a saúde e sustentabilidade do software a longo prazo. Algumas práticas recomendadas incluem a realização de revisões de código regulares, a implementação de testes automatizados, a refatoração do código para reduzir a complexidade, e a alocação de tempo e recursos para pagar a dívida técnica acumulada.

Benefícios de Lidar com o Technical Debt

Lidar de forma proativa com o technical debt pode trazer diversos benefícios para a empresa, como redução do tempo e custo de manutenção, melhoria da qualidade do software, aumento da produtividade da equipe de desenvolvimento, maior satisfação dos usuários finais, e maior capacidade de inovar e se adaptar às mudanças do mercado.

Estudos de Caso de Empresas que Lidaram com o Technical Debt

Várias empresas renomadas já enfrentaram e superaram desafios relacionados ao technical debt, como a Microsoft, que investiu bilhões de dólares em um programa de eliminação de dívida técnica em seus produtos, resultando em melhorias significativas na qualidade e desempenho do software.

Conclusão

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.

Falta pouco para você receber os nossos materiais: